Curiosidades, dicas de consumo dos nossos produtos harmonizados com vinhos !

VINHO PARA MANCHEGO . 

VAI UMA DICA PREMIUM !

JEREZ PEDRO BYASS SOLERA 1847 CREAM

 

Queijo Manchego

07/11/2014 04:17

O queijo Manchego, é mais do que uma referência dentro da Espanha, é bastante importante e reconhecido, feito de leite da ovelha Manchega da região de la Mancha. Esta área abrange um vasto planalto seco com altitudes superiores a 600 mts a sudeste de Madrid. O clima local é caracterizado por invernos frios e rigorosos,  verões longos e secos, o que implica numa matéria prima bastante rica, aromática e com excelente acidez. 


Este queijo é de uma região específica para sua produção e sua apelação é protegida  (AOP) ou (D.O), assim sendo rigorosamente seguem os princípios estabelecidos. A exemplo disto, este queijo tem oficialmente que ter de 60 dias à 2 anos de idade; possuir sua forma cilindrica padronizada; apresentar uma crosta dura; ser de tonalidade amarelo palha à marrom escuro; ser marcado em zigue zague nas laterais; e ainda deve ser compacto e com aveólos. 
 
Nosso queijo representado pela Sabor Mediterrâneo atende sobre todos os padrões estabelecidos e ainda é um produto certificado, possui um gosto bastante suave e peculiar.  Normalmente na Espanha se consome este tipo de queijo com geléias de marmelo, maçã, figo e uva, e está também acaba sendo mais uma forma de gerar inúmeras possibilidades de harmonizações entre o queijo e o vinho. Deliciosa experiência!
 

Queijo Manchego e os Vinhos

 
Manchego Fresco : branco aromático mais fresco e com notas mais mineralizadas, a exemplo disto, um típico vinho elaborado de Viura. Se optar por tintos, pouco tempo em madeira, pois a madeira se tiver muito evidente no vinho pode tornar a experiência desagradável, precisamos de força e acidez, ou seja gordura e cremosidade, de preferência bastante frutado, mas iria de fato pela linha dos brancos do Novo Mundo!
 
Manchego Curado: se estiverem na expectativa ou no clima de sugerir vinho branco, que seja então de estrutura.  Observem a calibragem entre os aromas e sabores do vinho e o queijo. Neste caso uma sugestão bem interessante é fazerem uma harmonização por país, neste podemos começar pela categoria do Reserva e Gran Reserva, seja de Rioja ou Ribera Del Duero.
 
Manchego Viejo: vinhos potentes e de personalidade, um Jerez Oloroso, poderia ser incrível! Também outros fortificados da Península Ibérica, os quais cumprem muito bem a função de harmonizar, seja um Madeira Verdelho ou Porto Tawny 20 anos. Néctar dos Deuses... há outras possibilidades sem dúvida como um Amarone ou vinhos bem estruturados, mas que sejam verdadeiros caldos de frutas.
 
Claro que o pão para o nosso Manchego é uma excelente pedida, o azeite, as geléias... ufs! Este assunto é bastante sugestivo!
 
Agora é so provar e viajar pelo SABOR DO MEDITERRÂNEO!

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!